tempo de resposta

Tempo de resposta: entenda o que o consumidor pensa sobre isso

Tempo de resposta: entenda o que o consumidor pensa sobre isso

Antigamente, para fazer compras, você precisava sair na rua. Seja com um destino em mente, seja batendo perna, você olhava uma vitrine, se interessava e entrava na loja. Havendo dúvidas, era fácil: bastava chamar um vendedor e perguntar o que quisesse. Se as expectativas fossem atingidas, você saía da loja com a sacola na mão, feliz da vida.

Hoje, a forma como você consome mudou muito. O momento acima ainda existe, é claro. Mas as vitrines da rua agora aparecem também em seu smartphone, no meio de sites, no feed de suas redes sociais, no resultado de buscas.