[F8 conference] Novidades sobre o Facebook Messenger

Todos os anos, o Facebook recebe desenvolvedores e empresas do mundo todo para apresentar as últimas novidades da empresa e discutir o futuro da tecnologia. Esse ano, o evento de 2 dias batizado de F8, trouxe mais de 50 sessões, experiências interativas e interações com a equipe do Facebook.

Nosso time aproveitou a oportunidade para descer até o auditório do Cubo e assistir ao live streaming da abertura do evento, apresentada pelo CEO do Facebook, Mark Zuckerberg.

Nossa equipe no live streaming da F8 no Cubo

Nossa equipe no live streaming da F8 no Cubo

A gente já sabe que o Messenger é uma grande aposta do Facebook. Desde 2014, a função de troca de mensagens entre usuários foi separada da aplicação principal do Facebook, tornando-se um aplicativo independente e, desde então, ela não para de evoluir. Cada vez mais funcionalidades são adicionadas pela própria empresa e por desenvolvedores terceiros, atraídos pelo interesse em construir apps para associar à plataforma.

De acordo com o Facebook, mais de 1,2 bilhões de pessoas trocam 2 bilhões de mensagens mensalmente pelo Messenger. Já existem mais de 65 milhões de empresas ativas no Facebook, e cerca de 20 milhões atendem clientes todos os meses usando o Messenger.

A propósito, muito se falou sobre como o Messenger é uma das ferramentas mais apropriadas para interagir com uma empresa, e casos foram mostrados para evidenciar isso. “Pessoas preferem usar o Messenger para interagir com as empresas” segundo David Marcus, VP de Messaging Products no Facebook.

Ele forneceu casos interessantes com números muito impressionantes de aumento de satisfação de clientes e aumento de produtividade da equipe por utilizar esse canal. Um caso foi o da Rogers Mobile, empresa de telefonia móvel canadense que chegou a aumentar em 60% a satisfação de atendimento com a adoção do atendimento via Messenger.

Tudo isso demonstra o poder de alcance do aplicativo no mundo todo, inclusive no Brasil. No nosso caso, em especial, o WhatsApp é ainda o líder dos aplicativos mensageiros, mas somos um dos poucos países no mundo onde isso ocorre.

Ficou muito claro, pelo Keynote de abertura, que existe um investimento pesado da equipe do Facebook na plataforma Messenger, e que serão feitos todos os esforços para torná-lo a ferramenta de comunicação mais usada por todos.

Algumas novidades lançadas e prometidas para o ano de 2017 são:

  • Chat Extensions, que permite que sejam compartilhadas músicas e notícias entre grupos ou pessoas, e também permite encontrar reservas de restaurantes
  • Discovery, que permite encontrar pessoas e empresas para interação. Algo como nossas antigas páginas amarelas ;)
  • Games, iniciando jogos a partir do Messenger, onde será possível desafiar amigos, por exemplo
  • Inteligência artificial, com uma grande evolução nesse campo, identificando padrões de comportamento de cada usuário e, com isso, permitindo ao assistente virtual sugerir com mais assertividade conteúdo relevante para cada pessoa

Em janeiro deste ano, a Omnize lançou um novo plano que permite que as empresas ofereçam atendimento personalizado, ágil e com estatísticas para seus clientes que utilizam o Messenger para se comunicar.

A empresa passa a ter uma identificação única do cliente, independente do canal utilizado, o que torna possível rastrear o histórico do relacionamento entre cliente e a empresa. A ideia é tornar o atendimento muito mais rico em informações que podem ajudar a empresa na tomada de decisão, exatamente por conhecer melhor seu cliente.

Você pode experimentar usar o Messenger para atender seus clientes se cadastrando nesse link gratuitamente.

Sua empresa já usa o Messenger para atender clientes? Conte pra gente um pouco de sua experiência nos comentários!


Quer receber mais artigos como esse?